Como a psicologia esportiva ajuda a melhorar o desempenho dos atletas
Aprendizado

Como a psicologia esportiva ajuda a melhorar o desempenho dos atletas

Escrito por Unisport Brasil

A carreira de grande parte dos atletas é rodeada de desafios a serem superados em diversos momentos, seja dentro de uma competição ou em momentos fora dela. A superação física é um fator que está sempre presente na vida de um esportista, trabalhada por meio do treinamento árduo constante e a necessidade do domínio de táticas fundamentais para o sucesso no esporte.

Ter uma alimentação adequada elaborada por nutricionistas, uma boa noite de sono e treinar frequentemente são fatores que permitem que o atleta consiga alcançar um bom desempenho no esporte. Contudo, não é apenas isso. O estado psicológico dos atletas é um fator tão essencial quanto a sua condição física e também merece atenção. Nesse contexto, surge a importância da psicologia esportiva.

Neste artigo, veremos o conceito de psicologia esportiva e como ela atua em prol dos atletas. Também serão abordadas as suas principais características e os métodos utilizados. Quer entender mais sobre o assunto? Continue acompanhando!

O que é psicologia esportiva?

A psicologia esportiva é um ramo da ciência da psicologia que estuda diversos fatores no comportamento de um indivíduo responsáveis por influenciar o seu desempenho e participação no esporte e na atividade física. De uma forma geral, podemos afirmar que essa ciência investiga os acontecimentos psíquicos e a conduta no esporte dos atletas.

Também pode ser considerada como o conjunto de métodos que objetivam a aplicação do conhecimento adquirido para situações reais do dia a dia e atua treinando a mente dos atletas de forma que consigam alcançar cada vez mais excelência na performance.

É considerada uma ciência recente que tem ajudado consideravelmente a carreira de atletas e sua equipe e até mesmo de indivíduos comuns que praticam algum tipo de esporte como atividade recreativa ou por hobby.

Como a psicologia esportiva atua?

A psicologia esportiva avalia e prepara a mente do indivíduo para suportar diversas situações desafiadoras. Situações nas quais podem ocorrer estresse, pressão interna ou externa, fadiga e privação de qualquer tipo. Esse tipo de preparação é feita por um psicólogo esportivo especializado no assunto

Os benefícios dessa ciência são tão importantes, que não é a toa que a psicologia esportiva tem mostrado avanço e vem se expandido cada vez mais em diversos tipos de esportes, bem como em vários clubes e pátios desportivos.

A psicologia esportiva não é exatamente um tratamento. Para melhores resultados, deve ser feita de maneira contínua. Ela é composta de uma série de táticas de reforço e preparação mental que estimulam habilidades do esportista de forma a otimizar o rendimento deste.

Os casos de depressão ou os transtornos mentais mais graves que possam, porventura, aparecer em atletas são tratados pelo psicólogo clínico em conjunto com médicos psiquiatras. Porém, no cotidiano, existem fatores, tanto internos quanto externos, que podem afetar a saúde mental do esportista. O papel do psicólogo esportivo é justamente o de resolver esse quadro.

O profissional da área da psicologia não atua de forma a tratar transtornos mentais. Trata-se da adoção de um conjunto de técnicas com o intuito de preparar o indivíduo mentalmente para que ele consiga alcançar a vitória.

Como os fatores psicológicos influenciam o rendimento dos atletas?

Situações decorrentes de estresse, situação financeira precária, pressão da torcida, rotina pesada, entre outras, são causas muito frequentem que podem gerar problemas emocionais graves.

Dessa maneira, caso o indivíduo não tenha um acompanhamento cognitivo-comportamental adequado, esses fatores poderão afetar radicalmente o rendimento e a performance de um esportista. Portanto, a presença de um psicólogo especializado e familiarizado com o problema é de grande importância. A pressão em demasia por bons resultados, críticas negativas e cobranças frequentes são alguns exemplos de situações adversas presentes na vida da maioria dos atletas.

Esse conjunto de fatores, juntos ou de maneira individual, pode desencadear um quadro clínico de estresse, que causa sintomas físicos como insônia, dores de cabeça, úlcera, gastrites, entre outros problemas.

Além disso, uma rotina pesada com treinos intensos, grandes limitações físicas e pouco tempo para o lazer e para questões pessoais, pode ser um alto fator de risco. Se não tratado, pode levar a diagnósticos mais graves, como melancolia e depressão.

De que forma o profissional de psicologia esportiva atua?

O objetivo principal do psicólogo que atua no segmento esportivo é auxiliar os atletas para ampliar a consciência sobre eles mesmos. A expressão muito usada pelos profissionais da área é “mind over body”, que significa que “a mente controla o corpo”.

A atuação do psicólogo pode ser feita por meio da observação de treinos e competições. O objetivo é entender como fatores externos podem influenciar no aspecto psicológico e no desempenho físico e como a participação em competições pode influenciar as emoções e a saúde psíquica do atleta.

Essa técnica ajuda a ganhar conhecimento sobre o atleta e a analisar o comportamento deste diante de variadas situações, como o tratamento perante seus colegas de esporte ou a sua reação diante de uma derrota e de uma vitória.  Assim, a partir dessa observação de campo, o psicólogo pode avaliar o indivíduo com mais facilidade e consegue adotar os melhores métodos de forma a aumentar o seu rendimento.

De uma forma geral, podemos citar que eles são estimulados a expandir seus limites psíquicos e a trabalhar mais a sua disciplina mental e a concentração, grande aliada no desempenho de atletas de sucesso.

Esse trabalho costuma ser feito continua ou periodicamente, como em uma temporada de competição. E não apenas nas vésperas de um jogo ou em momentos pontuais nos quais o indivíduo sente-se desmotivado, apresentando problemas.

Quais são as técnicas que podem ajudar os atletas?

Existem alguns métodos especialmente desenvolvidos para auxiliar os esportistas. Podemos citar algumas técnicas de relaxamento e de meditação. Esse tipo de abordagem terapêutica busca que o indivíduo alcance um estado mental de quietude, no qual consiga focar a sua atenção apenas no momento presente, de forma que pensamentos prejudiciais sejam eliminados.

Além disso, existem métodos e exercícios cognitivos-comportamentos que ajudam no controle emocional, bem como aumentam o nível de autoconfiança e motivação do indivíduo, também ajudando a estimular o foco e a concentração.

A psicologia esportiva é uma ciência que vem ganhando cada vez mais espaço no Brasil. Essa área, em grande expansão, demanda profissionais especialistas no esporte e competentes, que consigam entender a mente humana e que também tenham algum conhecimento de fisiologia. Seu papel principal é atuar de forma a aumentar o rendimento e a performance de atletas.

Como você pôde ver, nosso psicológico é uma ferramenta poderosa e precisa ser bem cuidado. Agora que você entende mais sobre a psicologia esportiva, saiba também sobre como a mente influencia no rendimento de um atleta!

Quer se tornar um especialista da área esportiva?

Assine e receba tudo sobre treinamentos e as melhores práticas esportivas todo mês!

Sobre o autor

Unisport Brasil

Deixar comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Share This