Veja como organizar um treinamento de handebol para crianças Veja como organizar um treinamento de handebol para crianças
Handebol

Veja como organizar um treinamento de handebol para crianças

Escrito por Unisport Brasil

O treinamento de handebol é uma ótima estratégia para ajudar no desenvolvimento psíquico e motor da criança. Isso porque é na infância que o pequeno aprende a lidar com as possibilidades e as limitações do seu corpo.

Além disso, a prática de esportes em geral, incluindo o handebol, tem uma influência significativa no desenvolvimento de habilidades físicas, cognitivas, comportamentais e sociais, ajudando na formação desses jovens.

Nesse cenário, ignorar a prática esportiva na infância pode atrasar o desenvolvimento das crianças em vários aspectos. Logo, cabe à escola e aos profissionais da área levar essa informação aos pais, a fim de orientá-los para que possam incentivar seus filhos a terem uma vida ativa desde cedo.

Quer saber como organizar um treinamento de handebol para crianças? Então continue a leitura!

    Fique por dentro de novidades da área esportiva!

    Assine e receba informações gratuitas sobre treinamentos e as melhores práticas esportivas.

    Qual a importância do esporte na infância?

    O esporte é uma forma dos jovens desenvolverem várias habilidades. Além das capacidades físicas, a prática esportiva torna possível que a criança aprenda a respeitar a diversidade ao seu redor e construa soluções coletivas, tanto no ambiente escolar quanto fora dele.

    Com isso, o papel do esporte nas escolas passa a ser de educar o corpo, mas também a mente, para que os jovens possam se integrar ao ambiente escolar e socializar. Como consequência, temos uma melhora significativa do desenvolvimento da criança.

    Como organizar um treino de handebol para crianças?

    Agora que você já sabe a importância do esporte para o desenvolvimento de uma criança, veja como preparar um treino de handebol!

    Analise o momento da criança

    A atividade física é uma novidade que deve ser ensinada de uma forma leve e didática. Por isso, faça um trabalho de iniciação, levando em consideração a idade dos pequenos, seu nível de desenvolvimento motor e a capacidade de socializar e fazer atividades coordenadas.

    Lembre-se de que as crianças estão em uma fase na qual estão modelando sua personalidade. Então, pode haver momentos do jogo em que elas serão influenciadas pelo humor ou atitudes individuais.

    O importante é considerar esses momentos como normais no desenvolvimento dos pequenos e driblar essas situações. Para tanto, é preciso ter calma e persistir na explicação para reforçar os objetivos do jogo.

    Lembre-se ainda de que as habilidades motoras da criança estão passando pela fase de desenvolvimento. Logo, você pode trabalhar as técnicas de treino e jogos que melhorem essa questão.

    E fique tranquilo! Após as primeiras aulas, já é possível perceber uma melhora no desenvolvimento motor.

    Outro ponto importante é a interação do educador físico com as crianças, pois esse é um fator essencial para a obtenção de sucesso nas atividades propostas.

    Dê preferências a aulas lúdicas

    Para crianças, as atividades esportivas devem conter um caráter recreativo e lúdico. Isso é fundamental para que elas se sintam mais atraídas pela prática da atividade física, acompanhando as ações propostas.

    Como consequência, a criança se diverte, desenvolve sua motricidade, passa a ter um melhor contato com as atividades recreativas e cria gosto pelo esporte.

    Powered by Rock Convert

    Considere a orientação do espaço

    Os treinos de handebol ajudam a desenvolver a noção espacial da criança. Com isso, você pode trabalhar atividades com e sem a bola, como exercícios de ritmo, agilidade, trajetória e outros.

    No início, pode ser difícil criar uma sincronia entre os alunos e essas atividades, mas elas podem ajudar na melhoria da performance individual e coletiva do treino de handebol.

    Além disso, incentive atividades individuais e em grupo. Dessa forma, os pequenos aprendem as primeiras noções do jogo, adquirem espírito esportivo e também entendem o papel de cada jogador, assim como do trabalho em equipe.

    Incentive a socialização

    A socialização é um dos benefícios das atividades físicas em grupo. A prática do handebol ajuda ainda na psicomotricidade, que é quando o jovem é estimulado não somente em sua parte motora, mas também na parte psíquica.

    Como consequência, a criança passa a ter um melhor rendimento físico e mental, o que pode ser um benefício para a vida toda.

    Ajude a desenvolver o domínio socioafetivo

    A prática de atividades físicas é uma ótima maneira de contribuir para o desenvolvimento socioafetivo das crianças. Isso acontece porque o esporte, e o handebol está incluído aqui, proporciona várias emoções e sentimentos considerando uma série de interesses.

    Esses sentimentos podem ser de cooperação, solidariedade, motivação e respeito. O mais importante é pensar na evolução da criança como um ser social, estimulando a formação de uma personalidade equilibrada e estável.

    Dessa forma, o jogo ajuda o jovem a desenvolver a sua própria personalidade e a aprender a tomar decisões sem necessitar de ajuda.

    Busque a interação

    Para que a atividade física seja prazerosa, é válido apostar na interação entre os colegas. Para isso, incentive o senso de cooperação e as atividades que envolvam a gentileza e a humildade.

    Essas ações são importantes porque grande parte do comportamento da criança surge da interação com seus colegas e professores.

    Com ações bem-sucedidas, a criança passa a se desenvolver mais rapidamente, com pensamentos independentes, em função de seu maior desenvolvimento motor, cognitivo e também de linguagem, incentivados pela prática do esporte.

    Faça uma exposição geral dos fundamentos do jogo

    Para que os alunos possam iniciar as práticas de handebol, é importante que eles sejam apresentados às regras básicas do jogo. Isso pode ser feito em uma apresentação teórica, em um primeiro momento, mas também no treino prático. Para ajustar a equipe, invista em treinos até que cada jogador esteja preparado.

    Como vimos ao longo desta leitura, o desenvolvimento das crianças por meio do treinamento de handebol vai muito além de um jogo. Isso porque essa e outras atividades físicas trabalham a parte social, o equilíbrio, a lateralidade e a coordenação motora da criança, além de outros fatores, como a interação social e o desenvolvimento mais rápido da cognição.

    Vale ressaltar que as habilidades podem ser trabalhadas para auxiliar no desenvolvimento da psicomotricidade, que nada mais é que o desenvolvimento de um esporte de forma lúdica. Todos esses fatores podem ser aperfeiçoados antes e durante as práticas de atividades físicas, visando a formação de indivíduos mais capacitados, tanto física como mentalmente.

    Se você gostou deste post sobre como organizar um treinamento de handebol para crianças, confira também como desenvolver talentos no handebol!

    Powered by Rock Convert

      Fique por dentro de novidades da área esportiva!

      Assine e receba informações gratuitas sobre treinamentos e as melhores práticas esportivas.

      Sobre o autor

      Unisport Brasil

      Deixar comentário.

      Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

      Share This