Educação física na infância: entenda por que ela é tão importante Educação física na infância: entenda por que ela é tão importante
Natação

Educação física na infância: entenda por que ela é tão importante

Escrito por Unisport Brasil

A importância da educação física aparece nos pilares para o crescimento saudável das crianças e, por isso, ela faz parte das disciplinas ministradas desde o ensino infantil nas escolas públicas. A evolução da tecnologia oferece experiências inovadoras, mas a prática de exercícios físicos continua sendo indispensável ao desenvolvimento humano.

Neste post, vamos falar sobre a importância da educação física na infância e explicar quais áreas são afetadas pelos exercícios e esportes, incluindo a capacidade de aprendizado. Além disso, vamos fornecer detalhes sobre o fortalecimento dos ossos e músculos, melhoria no foco e concentração, aprendizagem da disciplina e trabalho em equipe.

Gostaria de saber mais sobre a relevância da educação física na infância? Prossiga!

Qual é a importância da educação física na infância?

As crianças precisam viver inúmeras experiências para criar habilidades que serão úteis durante a vida. A educação física na infância ajuda a iniciar o relacionamento com o meio social, estimulando o corpo e o intelecto por meio de profissionais experientes. Ela traz desafios que geram prazer durante a prática de esportes, brincadeiras e jogos.

    Fique por dentro de novidades da área esportiva!

    Assine e receba informações gratuitas sobre treinamentos e as melhores práticas esportivas.

    As atividades realizadas pelas crianças são importantes para o desenvolvimento afetivo, social e cognitivo, além de estimular a imaginação e ensinar o respeito às regras. O educador físico é responsável por incentivar os alunos a melhorarem as suas relações sociais, habilidades e conhecimentos, levando-os a lidar com situações estressantes relacionadas ao esporte e à atividade física.

    Quais áreas são afetadas pela prática de exercícios e esportes?

    Atividades como subir, pular, arremessar, correr, saltar contribuem não apenas para a saúde física e o aperfeiçoamento motor, mas também para a capacidade de aprendizado da criança. Veja a seguir as áreas mais afetadas pela realização das atividades físicas, brincadeiras e esportes durante os primeiros anos de vida de uma pessoa!

    Estímulo ao crescimento saudável

    O aluno que faz atividades físicas recebe estímulo ao desenvolvimento físico e ao alongamento muscular, bem como ao crescimento saudável. Os exercícios melhoram a qualidade do sono e a coordenação motora, sem contar que levam a criança a conhecer mais profundamente as suas capacidades, limitações e condições do corpo.

    Então, não se trata apenas de estética, e sim de prevenir doenças que surgem de forma silenciosa. Os jovens necessitam aprimorar as funções motoras essenciais para a vida adulta, e isso pode ser realizado com jogos cooperativos e competições que auxiliem na formação de cidadãos mais conscientes e menos sedentários.

    Fortalecimento dos ossos e músculos

    O crescimento saudável depende do cotidiano das crianças que devem estar ativas durante o dia. Elas precisam aprender a ter um estilo de vida adequado para obter os benefícios oriundos das atividades físicas. Isso as ajuda a lidar com o estresse na fase adulta, a fortalecer as estruturas ósseas e a aumentar a força muscular.

    Além do mais, as brincadeiras, jogos e esportes elevam a autoestima, corrigem a postura e o equilíbrio, fortificam o coração, geram novos talentos e aprimoram a capacidade de interação social. Cada criança tem as suas próprias habilidades, e algumas dão preferência para atividades específicas.

    Melhoria no foco e concentração

    A disciplina da educação física é aplicada em idade escolar para ajudar na fixação de conteúdos, no aumento da concentração dos alunos e no planejamento de carreira dos atletas. Ela melhora o raciocínio lógico e a memória, aperfeiçoa os reflexos e ajuda os indivíduos a manterem o foco nas atividades educacionais.

    As crianças que se dão bem na prática de exercícios físicos são mais propensas a ter sucesso em outras matérias lecionadas em sala de aula. O desempenho desses alunos é superior ao dos adeptos do sedentarismo. Isso ocorre porque os exercícios físicos fazem bem às células cerebrais e criam conexões interneurais.

    Desenvolvimento da disciplina

    Os hábitos das crianças precisam ser disciplinados pelos adultos para que elas tenham bem-estar e não sofram deterioração física e moral. Assim, a educação física torna as pessoas mais disciplinadas, fortes e dispostas a agir. Os exercícios vão além de auxiliar com os problemas relacionados à saúde física e mental, ela geram autodisciplina.

    Os esportes fazem com que as crianças aprendam a atender e obedecer aos indivíduos mais experientes que se encontram em posições hierárquicas superiores. Por outro lado, desperta a coragem, o respeito aos colegas, a capacidade de suportar a dor, os hábitos de higiene e a compreensão dos costumes da sua região.

    Trabalho em equipe

    O objetivo da educação física é propiciar a avaliação funcional e promover a educação integral do corpo e da mente. Os alunos passam a compreender o sentido de equipe e ter noções de divisão de trabalho e de solidariedade, enquanto mantêm a sua individualização. O desporto, a dança e a ginástica levam as crianças a aceitarem regras de convívio democrático e prepara as gerações para o futuro.

    Vale destacar que as atividades em grupo são indispensáveis para aprender a trabalhar em equipe nos ambientes domésticos e corporativos. As conquistas humanas são provenientes do esforço coletivo para o alcance de objetivos comuns. Por esse motivo, as crianças brincam juntas, compartilhando espaços e brinquedos durante a infância.

    Incentivo à competitividade sadia

    A matéria de educação física é obrigatória nas escolas do Brasil, razão pela qual deve estar presente durante toda a escolaridade, nos termos da Lei nº 9.394/1996. Os conteúdos dessa disciplina privilegiam a prática de esportes, que muitas vezes levam os alunos a participarem de gincanas, campeonatos, torneios e olimpíadas.

    As atividades competitivas, portanto, fazem parte do dia a dia das crianças e dos professores dessa área. Os aspectos competitivos precisam ser contemplados de modo saudável, com o ensino apropriado dos seus pontos positivos e negativos. A competição promove motivação interna, força de vontade e prazer no alcance das metas.

    Construção de valores de como aprender a ganhar e a perder

    A construção de valores de como aprender a ganhar e a perder é essencial para o convívio em sociedade. Todos precisam saber enfrentar as perdas, pois durante a vida elas acontecem contra a vontade das pessoas. As crianças ainda devem aprender desde cedo a aguardar a sua vez, ter paciência com os colegas e lidar com sensações e reações diversas e o cumprimento de regras.

    Trata-se de um compartilhamento de experiências e um aprendizado dos grupos, que vão descobrir como identificar e analisar melhor as situações, apresentar comportamentos éticos, reconhecer sentimentos próprios e dos outros e discutir valores relacionados ao sucesso e ao fracasso. Por fim, as atividades esportivas trabalham as emoções e a segurança das crianças.

    Enfim, agora você já sabe a importância da educação física na infância! Entenda ainda que o professor dessa disciplina exerce enorme influência sobre o interesse das crianças pela matéria. Ele é o profissional capaz de colaborar para que elas tenham uma boa experiência de aprendizado. Sendo assim, deve ter formação na área e excelente preparo para atuar!

    Deseja obter mais informações sobre o assunto? Entre em contato conosco e apresente as suas dúvidas!

    Powered by Rock Convert

      Fique por dentro de novidades da área esportiva!

      Assine e receba informações gratuitas sobre treinamentos e as melhores práticas esportivas.

      Sobre o autor

      Unisport Brasil

      Deixar comentário.

      Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

      Share This
      /* ]]> */