O que é e qual é o objetivo da pedagogia do esporte? Descubra aqui! O que é e qual é o objetivo da pedagogia do esporte? Descubra aqui!
Aprendizado

O que é e qual é o objetivo da pedagogia do esporte? Descubra aqui!

Escrito por Unisport Brasil

O esporte no ambiente escolar é fundamental para estimular o desenvolvimento de competências sociais, comunicacionais e técnicas, orientando o aluno de forma prática a se relacionar com as suas próprias necessidades e com as dos outros. Assim, a pedagogia do esporte tem uma importante função na formação de atletas e também cidadãos.

Isso, porque, por meio das práticas esportivas, outros valores são aprendidos, como a tolerância, cumprimento de regras, a persistência, saber ganhar e perder, saber esperar e outras noções de convivência, além dos próprios benefícios oriundos das atividades físicas.

No cenário atual, a pedagogia do esporte deixa de ser tecnicista para abraçar as metodologias interacionistas. Quer saber mais sobre qual é o objetivo da pedagogia do esporte? Então continue a leitura!

O que é a pedagogia do esporte?

Pedagogia do esporte é a ciência que estuda a intervenção do processo de ensino, treinamento e aprendizagem, além da vivência do esporte. Com essa ciência é possível acumular um conhecimento importante a respeito da sistematização, organização, aplicação e metodologias de análise referente às atividades esportivas em vários sentidos e manifestações.

Fique por dentro de novidades da área esportiva!

Assine e receba informações gratuitas sobre treinamentos e as melhores práticas esportivas.

Assim, a pedagogia do esporte pode ser classificada como uma estrutura educacional na qual são realizadas intervenções e ações intencionais, com investimento nas exigências pedagógicas, que assume a responsabilidade de conduzir a relação entre prática e teoria.

Nesse cenário, a pedagogia do esporte assume o para quê, o porquê, o quê e o como ensinar esporte, levando em consideração ambientes diversos para faixas etárias distintas.

Quais os objetivos da pedagogia do esporte?

Resumidamente, a pedagogia do esporte contribui para a formação social e intelectual dos estudantes, possibilitando experiências práticas que exercitam as habilidades de se trabalhar em grupo, e também, habilidades individuais.

Nesse cenário, são trabalhados fatores morais como o respeito, a persistência, o cumprimento de regras, saber esperar a sua vez, saber ganhar e também saber perder, a tolerância, saber lidar com suas emoções negativas, sem descontá-las nos demais participantes do jogo.

Além disso, a pedagogia do esporte também colabora para a saúde das crianças e jovens da atualidade. Isso, porque as novas gerações são hiperconectadas e acabam deixando de lado atividades físicas, como brincar e correr, para usarem, desde muito cedo, os aparelhos móveis, como tabletes e smartphones, favorecendo o sedentarismo.

Diante dessa realidade, a escola assume a responsabilidade de apresentar a prática esportiva para as crianças, estimulando-as a criar o hábito das atividades físicas.

Como a pedagogia do esporte é aplicada nas escolas?

A pedagogia do esporte tem o professor de educação física como facilitador das atividades, e ele deve seguir as novas tendências, que vão além das metodologias de trabalho tradicional.

Essas metodologias surgem sob uma nova perspectiva, sendo diretamente influenciada pelas teorias interacionistas, que trazem um novo modelo de pensar e agir no esporte.

A metodologia intervencionista modifica a forma de pensar o processo da atividade física e, sob essa perspectiva, altera também os princípios que regem as atividades esportivas na escola. São exemplos, o estudo do processo baseado na inteligência interpretativa, nas competências para o jogo e na tomada de decisão.

Ao levar em conta as metodologias interacionistas, os jogos coletivos, por exemplo, prezam pelas habilidades de ações do jogo — não dos movimentos ou dos gestos. Por sua vez, o jogo, é conduzido para aumentar as possibilidades de ações — condutas motoras —, sendo um processo concedido a todos, ou seja, não há pré-requisitos para sua prática.

Dessa forma, o estudante é analisado como indivíduo ativo em seu desenvolvimento, passa a influenciar o ambiente — que deve oferecer vastas possibilidades — e também sofre influência dele.

Além disso, o aluno tende a buscar maior autonomia aliada à emancipação e aprende a tomar decisões — principalmente à medida que se torna consciente de suas atitudes e da manifestação da lógica do esporte no seu âmbito social e cultural.

O papel do professor na pedagogia do esporte

O professor no novo contexto pedagógico — que tem a metodologias interacionistas como foco — deve pautar suas atividades na dinâmica e funcionalidade do jogo, conduzindo os trabalhos com base nas relações de cooperação e oposição, tanto coletivas quanto individuais.

Nesse cenário, a aprendizagem do jogo deve ser direcionada de forma a compreender os princípios da lógica da elaboração de raciocínios que levem à gestão e regras de ação (ações táticas intencionais) diante da situação apresentada.

Assim, ao vivenciar sua autonomia, o estudante passa a exercer um papel ativo no processo de seu próprio desenvolvimento, regulando suas ações e elaborando de forma intencional seus projetos de ação nos jogos propostos na escola.

As atividades acontecem alinhadas com os referenciais funcionais de defesa e ataque, e os referenciais estruturais do jogo, que dizem respeito aos parceiros, regras do jogo, adversários, alvos e espaço.

Um professor que segue as metodologias interacionistas pode ensinar usando jogos semelhantes, colocando os esportes em blocos que consideram a lógica de cada uma dessas atividades.

Assim, ele compreende, por exemplo, que a estratégia do passe no polo aquático é a mesma do basquete e das outras atividades coletivas. Nesse cenário, ao entender a lógica do passe, torna-se mais fácil para o aluno fazer a construção de ações motoras para cada jogo em específico.

Logo o motivo de fazer, chamada de tática, será determinante para o modo de fazer, compreendendo a técnica. E, assim, o aluno aprende o esporte jogando-o.

Importância de contar com cursos de qualidade

Novas abordagens para o ensino no esporte surgem todos os dias, e é muito importante manter os estudos para acompanhar as tendências e as novidades. Para isso, contar com o apoio de instituições de ensino de credibilidade é fundamental, assim como avaliar os docentes dessas instituições. Contar com profissionais que apresentam, além da vivência teórica, uma abordagem prática, é fundamental para garantir uma capacitação de qualidade.

Diante disso, fica evidente que a pedagogia do esporte vem se reinventando, principalmente pelas metodologias interacionistas, que abordam importantes construções para o desenvolvimento do atleta e também para a construção de cidadãos mais conscientes.

Se você gostou deste artigo sobre o que é e qual o objetivo da pedagogia do esporte, deixe seu comentário conosco!

Powered by Rock Convert

Fique por dentro de novidades da área esportiva!

Assine e receba informações gratuitas sobre treinamentos e as melhores práticas esportivas.

Sobre o autor

Unisport Brasil

Deixar comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Share This